Quinta-feira, Maio 30
Shadow

Em Sobral, candidatos ao diaconado permanente recebem o Ministério do Acolitato na Catedral da Sé

Após dois anos e meio de estudo e formação, vinte e três candidatos ao Diaconado Permanente receberam na manhã deste 12º Domingo do Tempo Comum, 19 de junho, o Ministério do Acolitato em solene celebração eucarística presidida pelo Bispo Diocesano, Dom José Luiz Gomes de Vasconcelos e concelebrada pelos sacerdotes desta diocese na Catedral da Sé em Sobral.

Os diaconandos por sua vez, foram habilitados para ajudar os diáconos e servir os sacerdotes em suas funções litúrgicas. O acólito instituído tem ainda como missão preparar adequadamente outros fiéis que os ajudem no exercício de seu ofício. Os candidatos foram apresentados pelo coordenador da Escola Diaconal Santo Estevão, Revmo. Pe. Denilson de Sousa.

“O Senhor vos convida a aproximar-se dele, do altar, do sagrado, mais para isso vocês precisam dar esses passos, levar uma vida de oração verdadeira, conhecer Jesus com mais profundidade. Não pensem que o que aprenderam na escola diaconal foi suficiente para conhecer Jesus, nem histórico e nem divino. Há um longo caminho a percorrer; é necessário conhecer Jesus e aproximar-se dele cada vez mais, permitir que ele fale e a palavra chegue ao seu coração, mas o Senhor deseja algo mais, que você assuma a sua cruz, que renuncie a si mesmo. Cruz não é só sofrimento, é também salvação e há duas dimensões: a vertical que é nossa união com Deus, e a horizontal que é nosso encontro com os irmãos. Ninguém pode viver unido a Deus sem estar unido aos irmãos. Cruz é sinal de doação, entrega, conversão e mudança de vida”, disse Dom Vasconcelos durante a homilia.

Após a homilia iniciou o rito da instituição onde Dom Vasconcelos proferiu algumas palavras de acordo com o pontifical que explica claramente as funções do acólito. Em seguida, os vocacionados ajoelharam-se para receber a oração do Senhor Bispo, houve a aspersão sob as túnicas que todos passarão a usar neste ministério e as esposas revestiram os maridos. Dando continuação ao rito, os candidatos foram chamados um a um e receberam das mãos de Dom Vasconcelos o pão e vinho para o serviço do altar.

Em agradecimento, Pe. Denilson de Sousa proferiu algumas palavras direcionadas aos diaconandos parabenizando-os por este dia especial, agradeceu aos sacerdotes que puderam participar desta solene celebração e também aqueles que fazem parte da formação da escola. Dom Vasconcelos convidou a todos para participarem no próximo dia 16 de julho da Ordenação Diaconal do primeiro membro desta escola, Edmar Filho.

Texto: Thais Helena – Redação Correio da Semana
Fotos: Marcildo Brito – Repórter Fotográfico Correio da Semana

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *