Quinta-feira, Abril 18
Shadow

Diocese de Sobral realiza Romaria Diocesana em honra a Nossa Senhora Aparecida, Rainha e Padroeira do Brasil

O dia dedicado a rainha e padroeira do Brasil, Nossa Senhora Aparecida, foi celebrado com uma grandiosa festa neste dia 12 de outubro na Diocese de Sobral.

Em 1929, no encerramento do Congresso Mariano, Nossa Senhora Aparecida foi proclamada Rainha do Brasil, sob a Invocação de Aparecida. Em 31 de maio de 1931, a imagem aparecida foi levada ao Rio de Janeiro, para que diante dela, Nossa Senhora Aparecida recebesse as homenagens oficiais de toda a nação, estando presente também o Presidente da República, Getúlio Vargas. Nossa Senhora Aparecida foi aclamada, então, por todos como “Rainha e Padroeira do Brasil”. Em 1958, a cidade da Aparecida foi elevada a arcebispado, sendo seu primeiro arcebispo o cardeal Mota. Na Diocese de Sobral este dia é celebrado tradicionalmente com a Caminhada com Maria ao final da tarde, mas neste ano houve a Romaria, que contou com uma programação durante todo o dia.

Os romeiros participaram de diversas ações sociais e celebrações durante todo o dia na Igreja de Nossa Senhora de Fátima, no bairro Sinhá Sabóia. Às 6h30 houve a primeira celebração eucarística presidida por Pe. Edinardo Gomes, Pároco e Coordenador Diocesano de Evangelização. Durante a manhã houve adoração ao santíssimo sacramento e casamentos comunitários, sendo uma realização paroquial em ação conjunta com a pastoral familiar. Também houve aferição de pressão arterial, cortes de cabelo e testes de glicemia relizado pela Infort Cursos. O Hemoce participou da ação social durante todo o dia e exatamente 97 pessoas contribuíram com a doação de sangue. Ao meio dia os fieis participaram do Ofício da Imaculada Conceição, em seguida houve adoração ao santíssimo; Dom Vasconcelos e diversos padres da diocese atenderam as confissões durante o mutirão.  

Antes de iniciar a solene celebração houve um momento especial, na qual Dom Vasconcelos fez o plantio de uma árvore leguminosa em frente a igreja matriz, o “Pau Brasil”, que é nossa madeira símbolo e representa o primeiro grande ciclo econômico do nosso país. Com o patamar repleto de romeiros, o bispo diocesano presidiu a santa missa acompanhado de diversos padres desta igreja particular, assim como do Diácono Edmar Filho. Seminaristas, grupos, pastorais, movimentos e novas comunidades provenientes das quatro regiões marcaram presença neste dia solene e importante para a igreja católica.

Após a santa missa, todos saíram na tradicional caminhada com Maria em direção a Igreja Catedral. Durante o percurso foram doados mais de 3.000 garrafinhas de água para os romeiros, na ocasião a Cáritas da Diocese de Sobral e a Escola Diaconal Santo Estevão fizeram uma força tarefa e conseguiram coletar 53 kg de materiais recicláveis que foram doados para a Associação dos Catadores de Materiais Recicláveis – Força de Vida localizada no bairro Cohab 2. Este material poderia ter sido jogado nos rios causando poluição ambiental, desta maneira tiveram um destino correto e ajudará esse público tão excluído de nossa sociedade que são os catadores (as). Foram realizadas três paradas importantes durante o itinerário: a primeira, no arco de Nossa Senhora de Fátima onde houve a consagração a Nossa Senhora e a comunidade Rainha da Paz realizou uma apresentação teatral relembrando a origem de Nossa Senhora intitulada com o título de Aparecida pelos pescadores. A segunda parada aconteceu no Santuário São Francisco de Assis e todos entoaram o cântico da oração de São Francisco com o objetivo de pedir paz para nossa cidade e pelo Brasil. Na Igreja do Menino Deus houve a terceira parada e Dom Vasconcelos pediu que os romeiros cantassem em uma só voz a música “Mãezinha do céu”, relembrando assim os tempos de criança que neste dia 12 também é celebrado o dia das crianças.

Muitos fiéis que não puderam acompanhar a caminhada aguardavam ansiosos a chegada da imagem da Virgem de Aparecida na Catedral da Sé. A caminhada finalizou com a benção do Santíssimo Sacramento no patamar sob todos os romeiros e a cidade de Sobral com muitos fogos de artifício e cânticos de louvor e adoração.

Por Thais Helena – Redação Correio da Semana
Fotos: Marcildo Brito
Imagens aéreas: A2 Mídia Produtora

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *