Quinta-feira, Abril 18
Shadow

Dom Vasconcelos celebra 33 anos de Ordenação Presbiteral e recebe Título de Cidadão Cearense em sessão solene

O bispo diocesano de Sobral, Dom José Luiz Gomes de Vasconcelos, celebrou 33 anos de Ordenação Presbiteral nesta sexta-feira, 09. Na ocasião, o Sr. Bispo recebeu o Título de Cidadão Cearense e houve a reinauguração da Cúria Diocesana.

Dom Vasconcelos foi batizado aos 22 de maio de 1963 na igreja matriz de Nossa Senhora da Conceição (hoje Nossa Senhora do Perpétuo Socorro dos missionários redentoristas em Garanhuns/PE). Na mesma paróquia recebeu a primeira comunhão. Em 1979, na Catedral de Garanhuns, foi crismado por Dom Tiago Postma. Aos 12 de outubro de 1987, por ocasião da festa de Nossa Senhora Aparecida, foi instituído leitor e acólito na Paróquia de São Roque, bairro CECAP em Guarulhos, por Dom João Bergese bispo diocesano daquela diocese. Aos 19 de agosto de 1989, domingo da Assunção de Nossa Senhora foi ordenado diácono na Igreja Matriz de Águas Belas/PE e aos 09 de dezembro de 1989, foi ordenado presbítero, pela imposição das mãos de Dom Tiago Postma na Igreja matriz de Nossa Senhora do Perpetuo Socorro, onde fora batizado.

 

A Santa Missa em Ação de Graças pelo ministério sacerdotal do bispo diocesano reuniu amigos, familiares, leigos, religiosas, seminaristas, diácono e sacerdotes; também contou com a presença do irmão no episcopado, Dom Francisco Edimilson Neves Ferreira, bispo da Diocese de Tianguá e do Deputado Estadual Walter Cavalcante na Capela Nossa Senhora das Graças mais conhecida por Igreja do Abrigo localizada ao lado da Cúria Diocesana. A homilia foi proferida por Dom Edimilson, na qual manifestou sua alegria por estar presente nesta celebração. “Jesus quer um amor sem limites, sem reservas, total. Um dia você foi ferido de amor, seduzido pelo senhor que o levou a um lugar a parte e fez você experimentar o seu amor. Ele lhe fez sacerdote e incluiu seu nome na ceia sagrada. Hoje queremos cantar o solene “te deum” gratos ao senhor por termos nos concedido a graça de por meio de ti experimentar o amor de Deus. Peço a Deus que a sua vocação inspire muitos jovens a responder positivamente o chamado de Deus”, disse Dom Edimilson. As preces foram na intenção de Dom Vasconcelos, e o mesmo pediu a Deus por seus avós paternos e pelas demais pessoas que o ajudaram em seu processo de discernimento mas que já não estão entre nós. “Eles me acolheram, motivaram, alegraram-se ao me ver ordenado. Hoje rogo a Deus para que eles possam participar dessa alegria comigo, deste banquete no céu”, pediu o bispo diocesano.

Ao final da celebração, os Seminaristas do Seminário maior de Filosofia homenagearam Dom Vasconcelos em nome de todos os seminários. Em seguida, todos seguiram em direção a Cúria Diocesana para a reinauguração das novas instalações, onde foi declarada inaugurada através do corte da fita por Dom Vasconcelos e Dom Edimilson. O Vigário Geral, Pe. Agnaldo Temóteo, realizou o lançamento do livro: “Cronologia dos Vigários Gerais da Diocese de Sobral”, escrito pelo mesmo. Entre tantas instalações, a sala da secretaria de arquivo foi reorganizada, e hoje chama-se: “Arquivo Diocesano Srta. Zuleika Ximenes Viana”, homenagem a Dona Zuleika que foi secretária da Cúria Diocesana de 20 de setembro de 1962 a 30 de setembro de 2020, na qual zelou com todo esmero pelo bem da Diocese por anos a fio. Tinha cada bispo e padre como filhos espirituais e rezava por eles incansavelmente. Mas, dentre todos os tesouros da igreja particular de Sobral, o seu maior bem querer foi, é e sempre será o arquivo diocesano que doravante leva seu nome. Dom Vasconcelos conduziu todos os convidados para melhor conhecerem as instalações e apresentou cada sala. Finalizando a inauguração, houve o hasteamento das bandeiras no estacionamento da Cúria.

A sessão solene aconteceu no Auditório Dom Walfrido Teixeira Vieira ainda na Cúria Diocesana com a presença do Deputado Estadual Walter Cavalcante e seus assessores; Dom Vasconcelos, Dom Edimilson, Pe. Agnaldo Temóteo e demais convidados. O pedido para que o Sr. Bispo fosse reconhecido como cidadão sobralense partiu do Deputado Estadual Walter Cavalcante e não houve abstenção de seus colegas, portanto em unanimidade cerca de 46 deputados aprovaram. “Tenho alegria de estar hoje aqui fazendo essa entrega e reconhecimento ao Senhor Bispo. A Assembleia Legislativa analisou tudo o que ele fez de bom em Fortaleza quando era bispo auxiliar, sempre elegante, prestativo e não exitava em ajudar o arcebispo Dom José António Tosi”, mencionou Walter.

O título foi entregue pelo deputado estadual juntamente com Sandra, irmã de Dom Vasconcelos e sobrinhos. Por sua vez, o bispo diocesano agradeceu a homenagem e convidou as autoridades para que tenham o olhar fixo no bem comum das crianças, jovens, idosos e deficientes. A noite encerrou com um jantar em comemoração a este dia especial.

Thais Helena – Redação Correio da Semana

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *