Quarta-feira, Abril 17
Shadow

Diocese de Sobral celebra a ordenação diaconal do seminarista Welington Silva

A Igreja Matriz da Paróquia de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro em Massapê ficou pequena para a solene celebração eucarística de ordenação diaconal do seminarista Francisco Welington Pinto Silva na última terça-feira, 22/08, dia este em que a igreja celebrou a solenidade de Nossa Senhora Rainha dos Anjos.

Desde a Tradição Apostólica, o diácono é aquele que ajuda a comunidade a traduzir a liturgia celebrada para a vida cotidiana, ocupando-se, sobretudo, com a necessidade dos mais pobres. Seu ofício se fundamenta a partir do exercício da caridade, no qual ele se esforça para compreender a Palavra e a Liturgia a partir do ministério do serviço. O rito de Ordenação manifesta a natureza e a missão do diácono, para que movido pelo exemplo de Jesus, ele exerça o amor sincero, a solicitude para com os pobres e os enfermos, a autoridade discreta, a simplicidade de coração e uma vida segundo o Espírito Santo. Nesse sentido, o diácono torna-se um prolongador da missão do Senhor, continuando o serviço da caridade iniciado por Ele.

Mais de quarenta padres, religiosas, seminaristas, caravanas da paróquia de Meruoca, local este em que o vocacionado faz estágio pastoral, e o povo Massapeense, estiveram presentes na solenidade que foi presidida por Dom Vasconcelos, bispo diocesano. Ao som da marcha da igreja católica, o vocacionado adentrou a igreja acompanhado de seus avós maternos, seu pai e demais familiares.

 

Tendo sido proclamado o evangelho de Jesus Cristo, deu início ao rito próprio da ordenação diaconal, na qual através do diácono permanente, Edmar Filho, a igreja pediu que se aproximasse o convocado por Deus para o ministério do diaconato, em seguida, Dom Vasconcelos interrogou o reitor do seminário de Teologia, Pe. Eudes Cruz, sobre a aptidão do seminarista ao ministério que deu o seu parecer em nome de toda a formação.

Na homilia, o Sr. Bispo relatou que após a solenidade da assunção de Maria, a santa mãe igreja celebra a memória de sua coroação como rainha do céu e da terra, assim como a virgem Maria foi reconhecida e declarada mãe de Deus, este Deus é rei do universo, e igualmente podemos chamar nossa senhora de mãe e rainha, pois inúmeros são os títulos atribuídos a Maria mãe de Jesus e nossa, mas o evangelho proclamado neste dia mostrou que o título que ela escolheu para si foi o de serva do senhor. É no discernimento de fazer a vontade do pai que a graça de Deus se manifesta e impulsiona para a missão.

“Com o tema do ano vocacional: “Vocação, graça e missão”, e o lema: “Corações ardentes e pés a caminho”, é a graça de Deus que concede a todos os vocacionados a força, determinação, desejo e o poder de permitir que arda nos corações uma chama de amor a Deus e a sua vontade, maior do que um amor a qualquer outra criatura. Estamos para ordenar diácono este nosso filho, filho desta comunidade paroquial, que hoje se alegra com esse acontecimento, fortalecido pelo espírito santo, deverá ele ajudar o bispo e seu presbitério no serviço da palavra, altar, e da caridade, mostrando-se servo de todos, como ministro do altar irá proclamar o evangelho, preparar o sacrifício e repartir entre os fiéis o corpo e o sangue do senhor”, disse.

Após a homilia, o rito deu continuidade com o propósito manifestado pelo candidato ao diaconato diante do bispo diocesano e toda a assembleia. Como gesto de despojamento e entrega total, o seminarista prostrou-se enquanto o povo presente rezava e cantava a ladainha de todos os santos. Em seguida, o novo diácono foi revestido por Pe. Emanuel Franklin, pároco da Paróquia de Massapê e por Pe. Fábio Soares, pároco da Paróquia de Meruoca. Por fim, houve a entrega do livro dos evangelhos. Como diácono, Welington agora passa a fazer parte do clero diocesano e foi acolhido por Dom Vasconcelos e pelos diáconos: Adalberto e Edmar Filho.

O diácono Weligton agradeceu a todos os envolvidos na solene ordenação, bem como a sua família e a todos os que desde criança o influenciaram a aproximar-se e aprofundar-se na igreja católica. Aos paroquianos, ao pároco Pe. Emanuel Franklin, ao Pe. Fábio Soares pela acolhida e fraternidade durante todo este período de estágio. Sem esquecer de seu pastor, o diácono agradeceu a Dom Vasconcelos por toda sua paternidade e zelo.

Ao final da celebração foi anunciado a ordenação presbiteral, do diácono Adalberto, filho da terra de Massapê em Padre Linhares, que será no dia 18 de outubro na SÉ Catedral de Nossa Senhora da Conceição.

 

Thais Helena
Redação Jornal Correio da Semana

Fotos
Marcildo Brito – Jornal Correio da Semana

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *